domingo, 10 de março de 2013


Ler aos mesmos livros em fases diferentes é algo mágico e libertador. Segue a dica.... 
A insustentável leveza do ser:
 “O homem, porque não tem senão uma vida, não tem nenhuma possibilidade de verificar a hipótese através de experimentos, de maneira que não saberá nunca se errou ou acertou ao obedecer a um sentimento. Tudo é vivido pela primeira vez e sem preparação. Como se um ator entrasse em cena sem nunca ter ensaiado”.  (Milan Kundera)